«

»

fev
24

Fortes emoções

A recente declaração de Leandrinho criticando a preparação física do Pelotas surpreendeu inicialmente. É bem verdade que tal aspecto vem deixando a desejar e muito, percebe-se isso visivelmente a cada jogo da equipe. No entanto, ter externado o descontentamento com o aspecto físico chamou atenção. Ontem, contudo, tudo ficou mais compreensível após a declaração de Jorge Bopp.

Notoriamente ficou clara a insatisfação do gerente de futebol com a saída, neste momento, de César Dias do futebol áureo-cerúleo. Para Bopp, o momento não é apropriado para baixas. A hora é de agregar, segundo palavras do mesmo. Bopp, depois, deixou claro que não gostou da contratação de Diogo Rincón, feita por Dias. Dias, por sua vez, ficou insatisfeito com a vinda de Claiton, ancorada por Bopp. Em meio às discordâncias, o Lobo vai preocupando sua torcida.

Percebe-se, com os problemas na direção, por qual motivo o Pelotas não rende em campo. Na mais alta hierarquia há pensamentos diferentes. O Lobo, consequentemente, não tem uma ideia única de futebol, ou seja, não possui um único critério para contratar. Isso afeta o grupo de jogadores. Insatisfeitos, esses externam os problemas na mídia. A mídia cumpre seu papel, divulga. A torcida aumenta seu nível de preocupação. E vê pela frente um segundo turno de fortes emoções, não necessariamente positivas.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.