Mateus Kerr

Detalhes do autor

Nome: Mateus Kerr
Data de registro: 20 de maio de 2011
URL: http://www.redeesportiva.com.br

Últimos posts

  1. Jogos que vi: Pelotas 2 x 2 Novo Hamburgo — 19 de março de 2012
  2. É hora de juntar os cacos — 5 de março de 2012
  3. Jogos que vi: Novo Hamburgo 1 x 1 Caxias — 1 de março de 2012
  4. Só Bruno salva — 20 de fevereiro de 2012
  5. Beto Almeida: o Roth Pelotense — 31 de janeiro de 2012

Posts mais comentados

  1. Ter limites é importante — 5 comentários
  2. Jogos que vi: Novo Hamburgo 1 x 1 Caxias — 2 comentários
  3. Melhores do ano 2011 — 1 comentário
  4. JOGOS QUE VI: Barcelona 4 x Santos 0 — 1 comentário
  5. Beto Almeida: o Roth Pelotense — 1 comentário

Listas de posts do autor

mar
19

Jogos que vi: Pelotas 2 x 2 Novo Hamburgo

Empate heroico. É a única forma de descrever o emocionante jogo de ontem entre Pelotas e Novo Hamburgo, que pude conferir na Boca do Lobo. Com dois tempos totalmente distintos, o Lobo começou muito mal o jogo, mas conseguiu nivelar as ações e chegou ao empate aos 47 com dois gols de Guly e bela … Continue lendo »

mar
05

É hora de juntar os cacos

Que o time do Pelotas é fraco, isto todos nós já havíamos constatado ao longo do primeiro turno do Gauchão. Agora, o fiasco diante do Veranópolis foi uma surpresa até para o mais pessimista dos torcedores do Lobo. Pior do que tomar uma roda do time da região da serra é o fato de que … Continue lendo »

mar
01

Jogos que vi: Novo Hamburgo 1 x 1 Caxias

Injusto pelo que foi o jogo e sobretudo o segundo tempo. Assim foi o resultado a final do primeiro turno do Gauchão entre Novo Hamburgo e Caxias, dois perigosos adversários do Pelotas na próxima fase do Estadual. Para mim, o Nóia merecia ter vencido na noite de ontem, pois criou mais oportunidades e teve mais … Continue lendo »

fev
20

Só Bruno salva

É sempre difícil fazer qualquer tipo de previsão ou análise com base em confrontos com a dupla Gre-Nal. Mesmo que o Pelotas tenha enfrentado a equipe reserva do Inter, este time “B” tinha jogadores de renome, como Bolívar, Jô e o próprio Marcos Aurélio, titular do Coritiba na temporada passada e que quase não pegou lista … Continue lendo »

jan
31

Beto Almeida: o Roth Pelotense

Escutando a coletiva dos dirigentes do Pelotas após o jogo com a Lajeadense e sabendo do que havia se sucedido no vestiário após a derrota vexatória para o Juventude no meio de semana, já era claro que o técnico Gavião estava com os dias contados no clube. Naquele momento, quase brincando, comentei com um amigo … Continue lendo »

jan
24

Jogos que eu vi: Pelotas 1 x 2 São Luiz

Um time demasiadamente “faceiro”. Assim pode ser definido o Pelotas que foi derrotado para o São Luiz em casa na estreia do Gauchão. A “sina” áureo-cerúlea foi mantida e o clube segue sem vencer em estreias de 1ª divisão há 11 anos. Pelotas no 4-3-3: laterais e volantes saem muito, equipe cria bastante, mas a … Continue lendo »

jan
19

Jogos que vi: Novo Hamburgo 0 x 1 Internacional

Tecnicamente, não foi um bom jogo. Muito pelo contrário: peleia típica de Gauchão. De maneira sofrida, o Inter venceu o Novo Hamburgo por 1 a 0 – gol de Oscar após pixotada de Eduardo Martini – na estreia do estadual. Dagoberto, a maior atração do jogo, foi discretíssimo e pouco fez. O Colorado fez partida … Continue lendo »

jan
18

Hoje começa o Gauchão !!

Hoje, dia 18 de Janeiro de 2012, começa o campeonato mais “cult” que existe no mundo, o Gauchão. Amado pelos pequenos, odiado pelos grandes, ele pode ser a porta de entrada para alguns atletas e profissionais nos grandes clubes, pode representar a saída de outros e até mesmo a extinção de projetos (Inter-B, no ano … Continue lendo »

jan
10

365 dias de suor e recompensa

A coisa toda começou quase como uma brincadeira. Ter um site sempre foi um sonho, um projeto, mas para mim, algo intangível. Isto aconteceu até a minha vontade e do Renan se juntar a do Vinícius e do Maurício, que tinham um projeto semelhante. Começo difícil, mas recompensador. É com muita alegria que eu olho … Continue lendo »

jan
05

Ter limites é importante

Sou do time dos baladeiros, confesso. Frequento festas com bastante assiduidade, já saí em oportunidades nas quais eu tinha que trabalhar no outro dia e algumas vezes – irresponsavelmente – me atrasei no outro dia. Apesar disso, foram raras as situações nas quais eu passei do que chamamos de “limite”. O limiar entre o certo … Continue lendo »

Posts mais antigos «